Formação - Página Inicial
  :: Quem somos
  :: Projetos
  :: Pesquisas
  :: Notícias
  :: Artigos
  :: Agenda
  :: Publicações
  :: Boletim
  :: Divulgue
  :: Links
  :: Parceiros

Incubadora de Projetos

Teleformação

Projeto Jovem Cidadão

Teatro e Dança
Noutro Turno
Turismo Comunitário
       Projetos

Projeto Jovens Caseiros
Por Formação
Publicado em 2004

Este texto não está atualizado.

O QUE É?

O Projeto Jovens Caseiros qualificou 30 jovens de Panaquatira e Itapari, para trabalharem como caseiros em sítios, chácaras e granjas que existem na região.

Panaquatira e Itapari são duas comunidades rurais localizadas às margens da praia de Panaquatira, no município de São José de Ribamar, a 40 km do centro da capital maranhense. Essa praia é uma das poucas que ainda não está poluída, na ilha de São Luís, e é povoada predominantemente por três tipos de moradores: pescadores, agricultores e pequenos comerciantes de beira de estrada, oriundos do interior do Estado.

A maioria dos filhos desses trabalhadores não concluiu o 2º grau, e os que concluíram vivem sem oportunidades de emprego.

O projeto de capacitação desses jovens contou com a parceria da Associação dos Pequenos Produtores Rurais de Panaquatira - Itapari (que conta com lideranças da Igreja Católica) e a Associação Comunitária Evangélica de Itapari (ligada à Igreja Evangélica Quadrangular).

O tema do projeto - "Jovem Caseiro" - foi definido entre tantas outras possibilidades (congelamento e beneficiamento de pescados, horticultura, avicultura...), já que na área há uma grande quantidade de sítios, chácaras, pousadas e granjas e os jovens moradores da área quase sempre são contratados enquanto caseiros, apenas para serem vigilantes; serviços mais especializados como: manutenção de piscina, poda de árvores ornamentais, plantação de grama, vacinação de animais de pequeno porte, culinária (refeições e doces), administração doméstica normalmente são realizados por outras pessoas contratadas fora da comunidade.

OBJETIVO GERAL

Melhorar as condições de empregabilidade e de renda dos jovens que moram na região.

METAS CUMPRIDAS

- A qualificação de 30 jovens para o trabalho de caseiro em chácaras, sítios, casas de veraneio, pousadas, nas áreas de Panaquatira, Itapari, Sítio Apicum, Pau Deitado, São José de Ribamar.

- O desenvolvimento de habilidades para o trabalho de jardinagem, paisagismo, manutenção de piscina, cuidados com animais domésticos e de pequeno porte e noções de administração doméstica.

- A criação de uma Associação dos Jovens Caseiros de Panaquatira e Adjacência.

- Conhecimentos sobre Cooperativa e Associações. Articulação dos jovens trabalhadores numa Associação.

- Preservação do meio ambiente: limpeza das praias; cuidado com os rios, matas e mangues; melhorar a paisagem das avenidas com plantações de árvores e plantas ornamentais.

PÚBLICO ALVO

30 jovens das comunidades/povoados de Panaquatira e Itapari, que já cursaram no mínimo até a 4a série do ensino fundamental.

METODOLOGIA

O Curso teve uma carga horária total de 600 horas, dividido em dois módulos: Um composto por disciplinas de conhecimento geral e relações humanas e outro que tratou da capacitação.

Além da carga horária prevista de acordo com a grade, o Projeto realizou atividades pedagógicas de cidadania, lazer, esporte e cultura com os jovens, visando a sociabilidade, o exercício da cidadania, o aumento da auto-estima e a ampliação do universo cultural dos mesmos.
 
 Outros projetos

Relatório Projetos de Organizações Juvenis da Baixada - Fundo De Apoio - CIP Jovem Cidadão

Relatório Projeto Ecomoradias

Relatório Projeto Futebol de Rua em Redes

Relatório Narrativo CIP JC - Novembro 2008

Relatório Narrativo Projeto Jovem Cidadão

 
 + projetos :: voltar :: página inicial :: imprimir
 
Buscar em Projetos
« Voltar
« Página inicial
« Imprimir
« Livro de visitas
« Fale conosco
 
Assinar boletim
  Fale conosco Mapa do site